Voluntárias

Quantas pessoas irão integrar o estudo e quem pode participar?

O estudo irá admitir 2600 mulheres da África do Sul, Malawi, Moçambique, Zâmbia e Zimbabwe. Para serem admitidas, as mulheres têm de ser saudáveis, HIV negativas e terem idades entre os 18 e os 35 anos. Estas mulheres têm de estar dispostas a fazer exames médicos e aconselhamento e testes regulares de HIV. As mulheres não podem estar grávidas nem a amamentar. Existem também outros critérios que têm de ser satisfeitos para uma pessoa ser elegível para participar no estudo.

O que pode esperar se decidir ser voluntária?

Responderemos a qualquer questão que tenha para assegurar que compreende bem o que envolve a sua participação neste estudo.

  • Será submetida a exames físicos que incluem análises sanguíneas. As análises ao sangue serão utilizadas para: testar a infecção por HIV; verificar como o seu sistema imunitário responde às vacinas em estudo; para testes genéticos limitados e outros testes que irão ajudar os investigadores a compreender melhor a saúde e o sistema imunitário da participante.
  • No decurso do estudo, terá de se deslocar ao centro aproximadamente 17 vezes ao longo de 3 anos. Em 4 destas consultas, receberá injecções das vacinas em estudo ou os placebos. No total, irá receber seis injecções durante o estudo.
  • Ser-lhe-á pedido que registe como se sente nos 3 a 7 dias seguintes a cada injecção. Depois deste período, a equipa do centro irá entrar em contacto consigo para saber como se sente.
  • As consultas de seguimento irão incluir aconselhamento e testes ao HIV e a resposta a perguntas por parte da equipa clínica. Estas consultas serão mais curtas em relação às consultas em que recebe injecções.
  • O aconselhamento sobre HIV irá indicar-lhe as melhores formas de se proteger contra a infecção por HIV durante o estudo. 

Quando e onde será realizado o estudo?

O estudo começará a admitir participantes em Novembro de 2017 e irá realizar-se em diversos centros na África do Sul, Malawi, Moçambique, Zâmbia e Zimbabwe.